O mercado tecnológico

O mercado tecnológico

Categories: ¿Por qué Panamá?

Infraestrutura

 

Companhias de Celular: 

Atualmente no Panamá contamos com quatro serviços de telefone móvel:

1. Cable and Wireless Panama - www.cwpanama.net
2. Telefônica Movistar - www.movistar.com.pa
3. Digicel Panamá - www.digicelpanama.com
4. Claro Panamá - www.claro.com.pa

As quatro empresas oferecem serviços de voz e dados móveis, tanto em pré-pago, como em pós-pago, em velocidade EDGE, 3G e 4G dependendo do plano adquirido.

Companhias de Internet Fijo

Atualmente no Panamá contamos com serviços de alta velocidade de internet, chegando a velocidades de até 50mbps.

Provedores:

1.Cableonda - www.cableonda.com
2. Cable and Wireless Panama - www.cwpanama.net
3. Wipet Internet - www.wipet.com
4. Mobilphone - www.mobilphone.com

As últimas duas são soluções um pouco mais lentas em velocidades, mas a vantagem é que são sem fio, pelo que a cobertura é mais ampla para lugares de difícil acesso.

Adicional a isto, todos os hotéis no Panamá possuem internet de alta velocidade e redes de wifi em todo o hotel, alguns lhe oferecem como serviço complementar e outros o fazem com um custo adicional, como por exemplo o hotel Riu, se estiver hospedado nos pisos executivos o uso da internet em todo o hotel é completamente gratuito.

Capital Financeiro mostra que Panamá, segundo o índice de Competitividade Global Tecnológica de 2011 a 2012 entre os países Latino americanos está na posição 57 e com uma pontuação de 4.01.

Os acordos comerciais se constituem em ferramentas de crescimento, que descansam não unicamente no interesse de dinamizar as economias, mas também em objetivos de desenvolvimento, procurando potencializar as melhores capacidades e vantagens competitivas dos parceiros, que os pactuam.

E graças ao Tratado de Promoção Comércio (TPC), com Estados Unidos (EE.UU), Panamá tem assegurado um acesso preferencial para a sua oferta exportável a um dos maiores e mais interessantes mercados do mundo, o que lhe permitirá crescer economicamente e atrair mais investimento estrangeiro, especialmente em setores, que têm estado crescendo silenciosamente como o das tecnologias da informação e as telecomunicações (TIC).

 

O mercado tecnológico

Este setor tem uma história recente. Estima-se que o mercado de software no Panamá é de $148 milhões anuais e as exportações do setor se estimam em $15 milhões.

Apesar de que somente uma pequena parte da população se emprega neste setor, o mesmo tem assumido um rol estratégico dentro dos investimentos, que o Estado tem feito para promover o crescimento econômico, em vista das vantagens competitivas, que Panamá apresenta para o desenvolvimento deste tipo de indústria.

Os tecno parques internacionais da Cidade do Saber e da antiga base militar de Howard (Área Especial Econômica de Panamá-Pacífico), são exemplos por excelência deste esforço.

O Administrador Geral Eduardo Jaén chama o Panamá Hub Tecnológico das Américas.

Reconhecendo a importância de destacar a sólida infraestrutura tecnológica do país, o governo destaca em suas intervenções internacionais a grande conectividade, que tem o Panamá através das redes de fibra ótica submarina, que nos entrelaçam com todos os países das Américas, exceto Cuba e Canadá. É o segundo país, com maior conectividade de fibra ótica neste continente e o país do continente , que mais conexão direta tem com seus vizinhos, incluindo todos os países da América Central e do Sul e quase todos os do Caribe.

A modernidade do país não se mede só no ecossistema tecnológico, que o Governo está impulsionando ou no número de empresas das TICs, que se tem estabelecido no país, nem nos milhares de panamenhos, que estas empregam, transferindo conhecimento e melhores práticas. Também se reflete nos Centros de Inovação e Tecnologia, que estão montando, nas áreas como Educação, Turismo e Logística, conjuntamente com renomadas universidades e empresas líderes.

 

Os benefícios que terá o soterramento de cabos nas áreas congestionadas pelas teias de cabos serão muito notáveis:

Permitirá esconder o emaranhado, que existe e se poderá catalogar devidamente a quantidade de cabos por poste das 36 companhias de comunicações e eletricidade, que utilizam esta forma de distribuição para seu serviço.

Eliminam-se os postes de fios elétricos, o que permitirá elevar novas luminárias, sem que corram o risco de acidentes, por causa do clima, por choques ou quedas, que todos os residentes na cidade de Panamá sofreram os desastres, que causam.

O benefício mais evidente será a visão de um meio urbano mais ideal e em ordem.

2013-04-12 13:51:00
2013-04-12 15:51:00