Esperam receber mais de 300 mil visitantes

Em $1.2 milhões se estima o custo, este ano dos preparativos para a celebração dos 59 anos da Feira Internacional de David(FIDA), que se desenvolverá de 13 a 23 de março próximo.

O engenheiro Berísimo Martínez, presidente do Patronato da FIDA, afirmou que jás as 12 comissões começaram a trabalhar nos preparativos do próximo evento, que este ano, tem sido denominado ‘Com inovação e tecnologia se fortalece o setor agropecuário”, sem descuidar dos outros itens, que geram fluxos de receitas para os expositores.

“Vamos fazer algumas adequações no setor agrícola, pecuário, de gado leiteiro para facilitar aos expositores e a pista de julgamento do gado”, disse Martínez.

A FIDA é considerada uma grande janela aberta ao desenvolvimento comercial e investimentos de uma das regiões do país, que todo o dia tem um crescimento notável e forte.

O engenheiro Martínez acrescentou que no setor agrícola, se apresentarão várias parcelas demonstrativas de estufas do cultivo em hidropônicas de produtos muito saudáveis, para a produção em pequena escala e dos que podem e têm recursos o podem fazer em forma comercial com o apoio Faculdade de Ciências Agropecuárias da Universidade de Panamá.

O que se busca é que o público visitante conheça que há novas alternativas de produção, que podemos utilizar para gerar nossos próprios produtos de consumo em casa .

NOVOS EDIFÍCIOS

Os organizadores precisaram que algumas estruturas necessitam um processo de remodelação, razão pela qual, já se realizam trabalhos em novas estruturas como parte dos investimentos.

Cada evento representa para a província aproximadamente $50 milhões, que entram no setor hoteleiro, serviços, comercial, informal, transporte e outros, que se relacionam com a atividade.

Indicou que será muito importante que no futuro a Câmara de Comércio e de Turismo faça parte do Patronato da Feira Internacional de David, para aumentar mais a participação de seus membros.

Como é tradição, os países centro americanos têm confirmado sua participação com expositores, Este ano será dedicado aos organismos internacionais e que por muitos anos têm ajudado o nosso país.

Uma das metas no patronato é superar no atendimento a 300 mil visitantes, tanto nacionais como estrangeiros, que participaram no ano passado e por isso tem dito que não se observa nenhum aumento no custo da entrada ao público. Mantém-se em dois dólares para adultos e as crianças entram grátis todos os dias do evento internacional.

Jorge Jiménez, trabalhador do campo na Feira de David, ressaltou que os lotes têm um grande avanço, no que diz respeito aos produtos, que serão mostrados no evento

Fonte: www.laestrella.com.pa